Olhar e ver…

Muitas pessoas me perguntam desde quando eu gosto de fotografia… Resolvi contar um pouco de como essa paixão começou, para abrir meu blog . Na realidade sempre amei fotografar… mas não conhecia a essência da fotografia…

Como em tudo em nossa vida, precisamos sentir para compreender.. a superficialidade das coisas as tornam sem sentido ou passageiras… Mas quando você é capaz de mergulhar na essência, você descobre tesouros únicos, que te levam por caminhos muito mais ricos do que você imaginava..

Foi isso que aconteceu num dia chuvoso, em que da janela do prédio onde eu trabalhava, percebi um edifício amarelo do outro lado da rua, e quando meus olhos “focaram” um pouco mais perto, vi as gotinhas na janela.. No mesmo instante me apaixonei por elas..

Peguei minha máquina compacta (na época era meu pincel!) sem marca, 5.0 MP (a qual apelidei carinhosamente de “Projetinha” – risos..) e na configuração “Macro” fotografei as gotinhas..

Ficou linda a foto, do jeito que eu queria, com o edifício amarelo desfocado atrás..

Mas, a minha surpresa foi quando baixei a foto no meu computador, e percebi algo fantástico: em cada gotinha daquela eu via nitidamente o prédio amarelo refletido, embora desfocado se olhasse o todo da foto.. Mas em cada uma ele estava lá… seguindo o formato da gota, ora inclinado para a direita, ora parecendo em espiral… mas TODAS elas refletiam o prédio amarelo..

Fiquei horas meditando sobre aquela foto.. vendo a riqueza que há no VER as coisas.. e não apenas olhar… mas PERCEBER a essência de tudo a nossa volta… lembrei de como refletimos o que realmente somos em nossos atos… seja num dia de sol, como num dia de chuva como aquele… lembrei de como cada gota daquela poderia simbolizar uma escolha nossa, e como isso refletiria em nosso futuro… as vezes tão perto, como aquele prédio estava delas..

A partir desse momento, o que era apenas um gosto pela fotografia, se tornou uma busca incansável pelo secreto que há em cada alma.. em cada gesto, em ver exatamente o profundo do ser…

E uma grande aliada estava presente.. a Luz… é com ela que escrevo o que decifro do mistério das almas que encontro pelo meu caminho.. é com a luz que escrevo a poesia que leio nos corações de quem Deus coloca na minha vida… É ela que tem me inspirado a transformar o comum em especial e único..

Não só com tinta se pinta um quadro… a luz é capaz de decifrar o profundo do sentimento.. E é isso que eu venho aprendendo momento após momento em que vivo para observar a beleza da verdade da vida, e traduzi-la na simplicidade de sua essência! E eu simplesmente me apaixono cada vez mais pelos detalhes que a vida me traz…


Anúncios