Feche os olhos…

Quantas coisas você consegue ver com seus olhos?
Certamente você virá que são muitas…

Tive uma experiência fantástica, durante uma aula de fotografia..
Estamos conversando sobre o OLHAR fotográfico..

O interessante, é que esse olhar não está nos nossos olhos…
Mas em nosso coração…

A fotografia de um fotógrafo é a tradução dos seus sentimentos, é a revelação da sua própria história, desenhada pela luz diante do que seus olhos vêem..

O professor mostrava um slide com depoimentos de fotógrafos, cineastas e artistas que tinham deficiência visual..
Como conseguem fazer arte sem VER?

Julgamos que vivem em um mundo de escuridão..
Mas, aprendi que na maioria das vezes, no mundo de quem não enxerga existem mais cores do que o nosso…
Pois eles tem uma capacidade ABOSULUTA de VER com o coração, o que passa despercebido pelos nossos olhos..

Um momento que me marcou pra sempre, foi quando na parte prática da aula tivemos que fotografar de olhos vendados..
Fui guiada até uma escada, onde eu apenas podia tocar, perceber a luz, o som ao meu redor.. e fotografar.

Eu conhecia bem minha máquina, porém precisei SENTI-LA para dar os primeiros clicks.. (algo que eu nunca havia pensado sobre…)
Toquei a escada.. e fui “lendo” seus detalhes com a ponta dos meus dedos..

Percebi o corrimão, e achei ali o ponto da minha fotografia..
Senti.. parei por uns instantes, e focando no automatico, fiz minha foto.. quando abri os olhos, ela traduzia EXATAMENTE o que eu havia sentido..

Quantas vezes você sobe e desce escadas, sem perceber nada além da sua pressa ou cansaço?
Nós, usamos o corrimão para termos força para subir…
Mas quem não enxerga, faz dele os seus olhos…

Nunca vou esquecer essa lição..
Feche mais seus olhos, e abra mais seu coração..
O que você verá, vai além da compreensão humana..

Anúncios